Os separatistas pró-russos abateram um helicóptero militar ucraniano, perto de Slaviansk, nesta quinta-feira, causando a morte a 14 pessoas, adianta a agência Reuters, citando as autoridades do país.

Entre as vítimas está um general do exército.

«Acabei de ser informado que terroristas na posse de mísseis anti-aéreos russos abateram um helicóptero nosso perto de Slaviansk. A bordo seguiam militares que iam render outros soldados», disse o presidente ucraniano Oleksander Turchinov no parlamento.