Na Ucrânia, um grupo de homens armados e de camuflado, capturou este sábado instalações da polícia na cidade de Slaviansk, no Leste do país. O Governo promete uma resposta dura.

Nas principais cidades do leste, a situação mantem-se tensa após o fracasso das negociações do primeiro-ministro com os rebeldes pró russos.

Os manifestantes rejeitaram uma amnistia proposta pelo Governo contra a entrega de armas e a desocupação de dois edifícios governamentais nas cidades de Donetsk e Lugansk.

Os edifícios foram tomados de assalto há uma semana, por dezenas de homens de coletes à prova de bala e armados de kalashnikovs, que reivindicam a realização de um referendo, à semelhança da Crimeia. O recurso às tropas de elite é cada vez mais provável.