Cinquenta anos depois, a praça Dealey, em Dallas continua a ser um local de respeito, de tristeza e de alguma vergonha, pela morte de John Fitzegerald Kennedy.

Quem por lá passa agora tenta imaginar o que sentiram as pessoas que ali estavam a 22 de novembro de 1963.

De olhos postos na vedação, no prédio de onde terão saído os tiros e na rua onde acabou o tempo de uma, talvez a maior lenda moderna americana.

Esta semana na TVI24, lembramos a vida e a morte de John F. Kennedy.