A vitória anunciada da Frente Nacional nas Europeias em França provocou um «sismo» político. As palavras são do primeiro-ministro Manuel Valls e reforçadas pela reação do Eliseu. «Devem ser retiradas lições», foi a mensagem oficial passada pela entourage do presidente, François Hollande, e citada pela imprensa francesa.

As eleições Europeias AO MINUTO

Os resultados ainda são parciais, mas vão confirmando as projeções. Com 25 por cento dos votos, a Frente Nacional ficou à frente da UMP (20,3 por cento) e deixou o PS de Hollande com 14,7 por cento.

Europeias: resultados em França

Depois de Mariane Le Pen ter reagido exultante, pedindo a dissolução imediata do Parlamento, Manuel Valls foi dos primeiros representantes do Governo a aparecer em público, sem meias-palavras. Disse que o resultado eleitoral que deu a vitória à extrema-direita foi «um choque, um sismo», e que este era «um momento grave».

François Hollande ainda não falou, mas fez saber que reunirá vários membros do Governo logo pela manhã nesta segunda-feira.