O ex-técnico da Agência Nacional de Segurança (NSA, na sigla inglesa), Edward Snowden, disse na segunda-feira que considera «missão cumprida» o debate gerado após a revelação de milhares de documentos secretos da espionagem norte-americana.

«Para mim, em termos de satisfação pessoal, a missão foi cumprida. Já ganhei», disse Snowden numa entrevista publicada no diário norte-americano Washington Post e realizada em Moscovo, onde se encontra asilado.

Edward Snowden, de 30 anos, afirmou que assim que os jornalistas puderam começar a trabalhar, todo o seu trabalho foi validado. «Porque, recordem, eu não queria mudar a sociedade. Queria dar à sociedade a oportunidade de determinar se deveria mudar-se a si mesma», acrescentou Snowden.