Um navio patrulha chinês que está a participar nas buscas pelo avião da Malaysia Airlines detetou um sinal no Oceano Índico, este sábado, adianta a agência noticiosa chinesa Xinhua. Trata-se de um sinal de frequência 37,5kHz, que pode ser emitido pelas caixas negras do avião desaparecido.

O anúncio, reportado pela CNN, surge quando se cumprem quatro semanas do desaparecimento e no mesmo dia em que o ministro malaio dos Transportes anunciou a formação de três comissões para investigar o desaparecimento do voo 370MH.