As autoridades australianas ordenaram este domingo a evacuação de mais três localidades no estado de Nova Gales do Sul, no leste do país, perante o agravamento das condições meteorológicas, que dificultam o combate aos maiores incêndios numa década.

Cerca de dois mil bombeiros tentam combater cerca de 60 focos ativos, 15 dos quais estão fora de controlo, numa frente de mais de 300 quilómetros.

Desde quinta-feira, as chamas destruíram 37.000 hectares e 208 casas, segundo o porta-voz do Serviço de Incêndios Rurais (RFS), Russell Taylor, citado pelo canal de televisão ABC.