Uma mega-operação da Guarda Costeira norte-americana está em curso para resgatar uma criança de um ano que ficou gravemente doente, em pleno mar alto, a centenas de milhas náuticas da costa do México. A notícia é avançada pela CNN este domingo.

Na última quinta-feira de manhã, a Guarda Costeira dos Estados Unidos recebeu um alerta de socorro para uma menina doente que estava a bordo de um veleiro, com os pais e uma irmã, a cerca de 900 milhas da costa do México.

Eric Laufman e a mulher, Charlotte, de San Diego, tentavam atravessar o Pacífico de veleiro. Tinham partido há duas semanas do México com as duas filhas.

A Força Aérea norte-americana foi acionada e quatro paraquedistas foram largados em mar alto com um barco insuflável motorizado. Alcançaram o veleiro e já resgataram a criança, que está em estado estável. Não foi avançado qualquer pormenor sobre a doença.

Os paraquedistas que salvaram o bebé vão permanecer no veleiro até conseguirem alcançar uma equipa médica. Uma fragata da Marinha deve conseguir alcançar o veleiro ainda este domingo. Depois disso, deverá haver condições para resgatar a família de helicóptero.