Um recém-nascido na China morreu nas últimas horas após lhe ter sido administrada a vacina da hepatite B, subindo para 12 o número de bebés mortos após receberem a mesma vacina desde novembro, foi anunciado.

A morte dos bebés já fez despoletar uma investigação na qual participam técnicos da Organização Mundial de Saúde.

O último caso conhecido foi registado na cidade de Lingao, na ilha de Hainão, e é o terceiro bebé a morrer depois de ter recebido a vacina produzida pela farmacêutica chinesa Beijing Tiantan, revelou a agência Xinhua.