Um avião de passageiros fazia a ligação entre a Austrália e os Estados Unidos quando teve de fazer uma aterragem de emergência esta segunda-feira. A aeronave foi atingida por pássaros e estava a perder combustível pela asa.

O momento foi captado por alguns dos passageiros do voo 840 da United Airlines e divulgado nas redes sociais. No vídeo abaixo, partilhado por Kip Hale que viajava junto à janela, consegue ver-se um rasto de fumo a partir de uma das asas do aparelho.

Kip Hale relatou, ao Daily Mail Australia, que o momento foi vivido com apreensão entre os passageiros e que o avião perdeu combustível durante todo o processo até chegar a terra, foram cerca de 20 a 30 minutos.

O voo UA840 saiu do aeroporto de Sidney por volta das 10:30, hora local, desta segunda-feira. Um porta-voz da United Airlines confirmou ao mesmo jornal que o embate com as aves aconteceu pelas 11:13, hora local, momento em que foi solicitada a aterragem de emergência para o terminal de partida.

Durante o regresso ao terminal do aeroporto de Sidney, a tripulação assegurou a segurança e tranquilidade dos passageiros, garantindo que estava tudo controlado.

Outro passageiro confirmou, ao mesmo jornal, que no momento em que o avião ficou imobilizado no terminal aeroportuário foram cercados por meios de socorro e emergência. Alguns passageiros terão sofrido ataques de ansiedade durante o processo.

Quando o avião começou a perder altitude conseguia ver preocupação e medo no olhar das pessoas, mas ninguém queria mostrar parte fraca”, disse Erik Kuebel, que também partilhou uma fotografia da fuga de combustível no Twitter.

 

O voo 840 acabou por ser cancelado e os passageiros foram encaminhados para hotéis até conseguirem seguir viagem até Los Angeles.