A União Europeia (UE) instou, este sábado, a comunidade internacional a tomar medidas «firmes e eficazes» a nível regional, nacional e mundial para eliminar todas as formas de discriminação racial.

Por ocasião do Dia Internacional da Eliminação da Discriminação Racial, que se assinala este sábado, a chefe da Diplomacia europeia, Federica Mogherini, recordou que há 50 anos se adotou uma convenção para lutar contra este fenómeno a nível global.

«Agora, mais do que nunca, é imprescindível que a comunidade internacional tome medidas firmes e eficazes a nível regional, nacional e internacional para eliminar toda a forma de discriminação racial», assinalou a alta representante num comunicado, citado pela agência EFE.