O Partido Democrata Esloveno (SDS) vence as eleições com 24,60% dos votos. Em segundo lugar ficou a coligação NSi/SLS com 15,20% e em terceiro o Verjamem com 10,60%. O partido DeSUS obteve 9,10% dos votos e o Partido Social-Democrata SD 7,90%.

Nas últimas eleições Europeias, os 26,92% dos votos renderam ao Partido Democrático Esloveno dois assentos parlamentares à semelhança do Social-democratas com 18,4% da votação.

O principal obstáculo das eleições europeias na Eslovénia é a abstenção que em 2009 ultrapassou os 70%.

O país está na União Europeia desde 2004. No ano da adesão, 28,35% do eleitorado votou nas eleições. Trinta e cinco anos depois, o número desceu para os 20,96%.