O primeiro-ministro da República Checa, Bohuslav Sobotka, alarmou para o efeito que o 'Brexit' pode gerar na Europa. Segundo Sobotka, a possível saída do Reino Unido pode alimentar uma onda separatista e nacionalista na União Europeia (UE). 

Extremistas de direita e nacionalistas vão falar sobre este tema, mais cedo ou mais tarde... na República Checa e em outros estados", disse Sobokta à Reuters. 

O primeiro-ministro checo classifica ainda as propostas relativas à saída da República Checa da UE como "sem sentido, nociva e perigosa". 

O Reino Unido vai realizar um referendo para decidir se continua na União Europeia. David Cameron que faz campanha pelo 'sim', tem já, dentro do seu próprio partido, seis ministros que se preparam para fazer campanha contra a a permanência do país na comunidade económica e política. 

Na sexta-feira, a União Europeia e o Reino Unido chegaram a acordo sobre a alteração ao estatuto do país no bloco europeu, um entendimento que o presidente da Comissão Europeia defendeu que “é justo para todos”.