Um soldado das Nações Unidas foi morto hoje durante um ataque a uma base da organização na República Democrática do Congo (RDC) pelo grupo armado do Uganda, Forças Democráticas Aliadas, disse hoje fonte oficial.

De acordo com a Missão das Nações Unidas na República Democrática do Congo (MONUSCO), 12 capacetes azuis da Organização das Nações Unidas (ONU) ficaram feridos no mesmo ataque.

As Forças Democráticas Aliadas lançaram a ofensiva na região de Beni, na província do Kivu Norte, onde se registam combates entre o grupo armado do Uganda e as forças da República Democrática do Congo.

A base de Mamundioma, entre Kamango e Mbau, foi atacada às 05:30 (03:30 em Lisboa).

Foi convocada uma reunião de emergência nas instalações das Nações Unidas em Kinshasa.