A cantora australiana Sia Furler reagiu a uma tentativa de venda de fotografias suas sem roupa. Em resposta, a cantora australiana acabou por publicar a imagem no Twitter pondo termo à situação.

A acompanhar a imagem estava a descrição: “Alguém está, aparentemente, a tentar vender aos meus fãs fotos minhas nua. Guardem o vosso dinheiro, aqui é de graça. Todos os dias são Natal!”, numa referência ao nome do próximo álbum: “Every day is Christmas”, que tem lançamento previsto para o dia 17 deste mês.

 

 

A publicação em que foi tentada a venda da imagem sugere que uma agência estava a tentar vender 15 fotos da cantora australiana e que em pelo menos uma Sia apareceria sem qualquer roupa. Resta saber se a agência americana FameFlyNet, nome que aparece na marca de água da foto, é o vendedor.

Sia é famosa por preservar a privacidade. Foram mais as vezes que foi vista a usar perucas e máscaras que escondem a própria cara do que sem, mas a cantora prontamente reagiu à situação no Tiwtter... Seguiu-se um movimento de apoio dos fãs à cantora no Twitter.

 

 

 

 

A cantora lançou a carreira na banda Adelaide acid jazz band Crisp, nos anos noventa, e conta já com vários prémios ganhos, incluindo um MTV Video Music Award.

Sia é a voz de vários temas de sucesso mundial como "Chandelier", "Cheap Thrills" e "Titanium". Além de milhões de álbuns vendidos, a cantora australiana já compôs musicas para Beyonce, Katy Perry e Rihanna.

Apesar do sucesso a cantora não deixou de ser quem era até alcançar a fama e mantém-se extremamente privada.

Em 2014, em declarações ao New York Times, Sia explicou o porquê de tentar ao máximo manter a privacidade. "Eu só quero ter uma vida privada", dizia a cantora australiana.

Uma vez, um amigo meu estava-me a dizer que tinha cancro, quando alguém se aproximou e perguntou, no meio da conversa, se podia tirar uma fotografia comigo. Percebes-me? Isso chegou-me, certo?"