O ministro dos Negócios Estrangeiros iraquiano, Hoshyar Zebari, anunciou esta quarta-feira que o Iraque «pediu oficialmente» aos Estados Unidos para realizarem ataques aéreos contra os "jihadistas" do Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL).

«O Iraque pediu oficialmente a ajuda de Washington, ao abrigo do acordo de segurança (com os Estados Unidos) para realizar ataques aéreos contra os grupos terroristas», disse Zebari aos jornalistas em Jeddah, na Arábia Saudita, onde decorre uma reunião de ministros dos Negócios Estrangeiros da Organização da Cooperação Islâmica (OCI).