A operadora da central nuclear de Fukushima anunciou que vai construir um novo canal de drenagem, na tentativa de evitar que derrames de água radioativa não desaguem diretamente no mar. As informações foram divulgadas pela agência Kyodo, citada pela Lusa.

O novo canal será construído com o objetivo de desviar o curso de água para que não verta para o mar, no caso de se verificar uma fuga num dos tanques de armazenamento do líquido usado no arrefecimento dos reatores da central.

O sistema de canalização deverá estar concluído em março do próximo ano.