Um condutor foi agredido e queimado por populares depois de ter tido um acidente de trânsito e ter morto uma criança de cinco anos que andava no passeio com a mãe. O acidente ocorreu no Rio de Janeiro e o condutor está internado em estado grave.

Segundo a imprensa brasileira o acidente ocorreu na noite de sábado quando o homem de 33 anos bateu com o carro, despistando-se em seguida e atropelando a mulher e a criança que andavam no passeio.

Após o atropelamento, os populares agrediram e atearam fogo ao condutor que foi levado para o Hospital Santa Maria Madalena, na Ilha do Governador, onde está internado em estado muito grave.

A polícia abriu uma investigação e está à procura dos populares que atearam fogo ao condutor.