Um homem decidiu vender o restaurante do qual era dono para tentar salvar a vida de uma das suas empregadas, a quem foi diagnosticado um tumor cerebral.

O caso ocorreu na cidade de Montgomery, no estado do Texas, nos Estados Unidos.

Ao perceber que a jovem empregada Brittany Mathis não tinha recursos financeiros suficientes para continuar os tratamentos, Michael de Beyer não pensou duas vezes e optou por pôr à venda o estabelecimento que já possui há 17 anos.

«Não podia ficar de braços cruzados, continuar a ganhar dinheiro enquanto uma das minhas empregadas precisava de ajuda», contou Michael ao canal televisivo Khou-TV.

Muitos são aqueles que querem adquirir o estabelecimento especializado em cozinha alemã, mas Michael estima que o seu valor rondará um milhão e meio de euros.

Metade dos lucros da venda do restaurante vão permitir que Brittany, de apenas 19 anos, possa continuar com os tratamentos.