Dois mineiros chineses foram resgatados com vida, depois de passarem mais de uma semana presos numa mina de carvão, por causa de uma inundação, indicou esta terça-feira a agência oficial «Xinhua».

O caso ocorreu na mina Zhengsheng, na cidade de Fenyang, Norte da China, no dia 28 de setembro. Quarenta e dois trabalhadores estavam no interior da mina. Trinta mineiros conseguiram sair antes da inundação. Dez continuam presos no interior da jazida.

Os dois resgatados desta terça-feira foram levados para um hospital local e estão a receber tratamento.

As minas de carvão chinesas são as que registam o maior índice de mortalidade do mundo, com cerca de 3000 mortes anuais. A necessidade de combustível para a China obriga a procurar combustíveis a uma profundidade cada vez maior, onde os acidentes se tornam mais frequentes por falta de medidas de segurança.

As operações de resgate continuam. As investigações ainda não determinaram a causa da inundação.