O furacão Arthur, o primeiro da temporada no Atlântico, atingiu na noite de quinta-feira a categoria 2, aproximando-se das praias mais populares do sudeste dos Estados Unidos, na véspera do feriado nacional de 04 de julho, Dia da Independência.

O furacão passou para a categoria 2 na escala de 5 pontos Saffir-Simpson anunciou esta noite o Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês), com sede em Miami (sudeste).

Pelas 01:00 (hora GMT), o furacão «Arthur» encontrava-se a cerca de 90 quilómetros a nordeste do Cabo Fear, na Carolina do Norte, e que avançava para a costa à velocidade de 24 quilómetros por hora.

O furacão, que esta quinta-feira, evoluiu para tempestade, tem aproximadamente 300 quilómetros.

O maior perigo, para já, são as fortes correntes no mar e que devem fazer aumentar a agitação marítima junto à costa. As autoridades recomendam à população que fiquem longe do mar. Em 2009, e apesar dos avisos, seis pessoas morreram como consequência das tempestades tropicais no mar.