Uma mulher da Geórgia fez 130 anos na quinta-feira, tornando-se assim na pessoa mais velha do mundo, informa a agência AP.

Antisa Khvichava nasceu a 8 de Julho de 1880, de acordo com o porta-voz do registo civil do Ministério da Justiça. Vive com o neto de 40 anos e é reformada do trabalho de colheita de chá e milho desde 1965, quando tinha 85 anos.

«Sempre fui saudável e trabalhei toda a minha vida, em casa e no campo», disse, durante a festa de aniversário.

A festa teve bolo de gelatina, pratos tradicionais e música folclórica ao vivo e a aniversariante estava bem vestida, com os lábios pintados e de bengala.

A certidão de nascimento de Antisa perdeu-se, no entanto, as autoridades mostraram dois documentos da era soviética a comprovar a idade. A idosa tem um filho, dez netos, 12 bisnetos e 6 trinetos.

O filho, Mikhail, tem 70 anos. Os dois filhos de um casamento anterior morreram de fome durante a Segunda Guerra Mundial.