A polícia turca atingiu e feriu a tiro um homem de 41 anos, junto à embaixada de Israel em Ancara. De acordo com o governador da cidade, o homem tentou entrar no edifício da embaixada, armado com uma faca e gritando slogans como “Allahu Akbar” (“Deus é Grande”).

De acordo com a agência Reuters, o homem aparentava estar instável mentalmente e ignorou avisos da polícia para que parasse. Não há, até ao momento, qualquer ligação com qualquer organização terrorista, nem indicação de que o homem tenha antecedentes criminais.

Um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros israelita garantiu à Reuters que todos os funcionários da embaixada, assim como pessoal diplomático, estão bem.