Um guarda tunisino foi morto e três outros ficaram feridos, este domingo, durante um tiroteio com ‘jihadistas’, na fronteira com a Argélia, informou a televisão estatal.

“Um guarda de fronteira foi morto e três outros ficaram feridos no tiroteio com um grupo terrorista em Bouchebka”, noticiou o canal Wataniya 1.

A morte de um guarda de fronteira durante um “ataque terrorista” foi confirmada pelo presidente do sindicato, Ridha Ennasri, à agência AFP.