Os confrontos entre apoiantes e opositores do presidente sírio, Bashar al-Assad, fizeram pelo menos 12 mortos durante o fim de semana na cidade de Trípoli, no Líbano, informa a AP.

Mais de 50 pessoas ficaram feridas e entre as vítimas mortais conta-se um militar.

Os confrontos foram mais violentos na noite de domingo.

Do lado dos opositores estão os bairros de Bab el Tebaneh, de maioria sunita, e do lado de Assad estão os de Jabal Mohsen, de predomínio alauíta.