Dois vietnamitas foram detidos na sexta-feira quando faziam uma escala no aeroporto de Joanesburgo na viagem entre Maputo e Hanói, com 41 quilogramas de chifres de rinoceronte, informaram as autoridades da África do Sul hoje citadas pela imprensa moçambicana.

A carga ilegal foi encontrada nas malas dos dois passageiros por cães da polícia sul-africana e é a maior apreensão de chifres de rinocerontes no aeroporto internacional Oliver Tambo, em Joanesburgo.

Já extinto na região sul de Moçambique, o rinoceronte tem sido alvo de ataques de caçadores furtivos moçambicanos no Parque Nacional Kruger, da África do Sul, mas pela relação contígua com a reserva moçambicana do Limpopo, a preservação da espécie é também uma preocupação das autoridades de Maputo.