Os confrontos entre traficantes de droga e um contingente de polícias e militares, este fim de semana, na Bolívia, fizeram quatro mortos e 14 feridos, segundo o mais recente balanço divulgado, esta segunda-feira, pelo ministro do Interior.

Os confrontos ocorreram, no sábado, na localidade de Apolo, na região de Franz Tamayo, a 400 quilómetros a norte da capital, La Paz, detalhou o ministro Carlos Romero.

O anterior balanço oficial apontava para dois mortos, três desaparecidos e para vários feridos.