O primeiro-ministro australiano, Tony Abbott, advertiu o Presidente russo, Vladimir Putin, que não vai poder evitar uma «conversa» sobre o avião da Malaysia Airlines, abatido em julho, no leste da Ucrânia.

Abbott tinha já garantido que irá «confrontar» Putin durante a cimeira do G20 que decorre na próxima semana na cidade australiana de Brisbane.

Camberra pediu a Moscovo um encontro bilateral à margem da reunião de líderes, mas até ao momento Moscovo não respondeu.