Um homem armado baleou mortalmente três pessoas numa loja de conveniência na Coreia do Sul, num incidente descrito como um ataque contra a família da antiga namorada do suspeito, noticia esta quarta-feira a imprensa local.

O indivíduo de apelido Kang, de 50 anos, terá disparado várias vezes contra o pai, irmão e atual companheiro da sua ex-namorada, as três vítimas mortais do incidente ocorrido em Sejong, localidade a 120 quilómetros a sul de Seul.

Depois de disparar contra as três pessoas, o suspeito ateou fogo ao estabelecimento e fugiu num carro, o qual viria a ser encontrado pela polícia na localidade próxima de Gongju.

O corpo do suspeito foi encontrado nas margens do rio Geum com ferimentos de bala na cabeça, no que as autoridades estimam tratar-se de suicídio, segundo as investigações preliminares.

O irmão mais velho da antiga namorada do suspeito era o dono da loja onde ocorreu o ataque.

Os crimes com armas de fogo são bastante raros na Coreia do Sul, tendo o incidente recebido grande cobertura pelos media.