logotipo tvi24

Tiroteio em escola é «tragédia nacional», diz Sarkozy

Presidente francês prometeu descobrir o criminoso e decretou um minuto de silêncio terça-feira em todas as escolas

Por: Redacção / PP    |   2012-03-19 12:51

O Presidente francês, Nicolas Sarkozy, declarou esta segunda-feira como «tragédia nacional» o ataque armado a uma escola judaica da cidade de Toulouse, no Sudoeste do país, onde quatro pessoas morreram, e prometeu descobrir o criminoso.

«Será feito absolutamente tudo para encontrar o assassino», disse Nicolas Sarkozy, durante uma visita à escola, onde decretou um minuto de silêncio, na terça-feira, em todas as escolas francesas e onde prometeu que o ministro do Interior, Claude Guéant, permanecerá na cidade o tempo que for necessário.

«São as nossas crianças. Não são só as vossas crianças, são também as nossas», disse o Presidente.

Partilhar
FOTOGALERIA:
Tiroteio em escola judaica de Toulouse fez quatro mortos

Tiroteio em escola judaica de Toulouse fez quatro mortos (Jean Philippe Arles/Reuters) EM CIMA: Tiroteio em escola judaica de Toulouse fez quatro mortos (Jean Philippe Arles/Reuters)

Avião da Malaysia Airlines faz aterragem de emergência
Aparelho tinha 166 passageiros a bordo e aterrou em segurança
Revelada transcrição que prova confusão e indecisão no ferry naufragado
Embarcação afundou-se na Coreia do Sul e o número de vítimas mortais por ir além das 300 pessoas
Papa atento aos emigrantes e às vítimas da guerra e do ébola
Mensagem de Francisco no Domingo de Páscoa
EM MANCHETE
Benfica celebra vitória do campeonato
Lima marcou 2 golos (58' e 61') no jogo com o Olhanense. Milhares de adeptos festejam
Jesus: «Quando se trabalha com os melhores é mais fácil»
Ferido grave em festa benfiquista com petardo