A imagem, tal como a tragédia, é devastadora. Uma família ficou destruída depois de um acidente de viação em que os dois pais e um bebé perderam a vida, deixando órfãos quatro irmãos. Mas a imagem que serve de mote para a fatalidade é também um espelho de fraternidade.

“Eles estão a sofrer juntos. Estão lá um para o outro. Estão a dizer um ao outro que vai ficar tudo bem”, contou no Facebook Teresa Burrell, tia materna das crianças.

O acidente aconteceu no passado dia sete de abril, mas só nos últimos dias o mundo conheceu a história e as imagens dos irmãos. A família estava a regressar de um passeio quando um acidente de automóvel, em San Angelo, no Texas, EUA, destruiu a família.

“Esta foi a primeira vez que eles se viram desde o acidente. Estavam separados, mas iam fazer fisioterapia juntos. Nós não podíamos entrar, mas a enfermeira chamou-nos, dizendo que tínhamos de ver aquele momento: foi a coisa mais tocante que alguma vez vi”, disse.

A imagem da menina com oito anos e do irmão com cinco anos, que ficaram ambos gravemente feridos no acidente e estão ainda a receber tratamento hospitalar, tornou-se viral nas redes socias, levando a um aumento das doações para ajudar o futuro desta família.

A tia criou uma página de angariação de fundos no Facebook com mais de 230 mil dólares angariados em 28 dias.

“Inicialmente criei a página para pagar os custos dos três funerais, mas os custos médicos também nos preocupavam. Quando criámos a página não sabíamos se eles iam andar outra vez. Os danos cerebrais da Angela (a menina na foto) eram tão graves que não sabíamos se ela voltaria a falar”, explicou.

Um dos irmãos escapou quase sem ferimentos, o outro ficou paralisado da cintura para baixo, mas está já a recuperar em conjunto com os outros irmãos.

Angela já recuperou a fala e as suas primeiras palavras foram, segundo a tia, de gratidão.

“Ela disse-me: estou tão grata por ainda estarmos vivos e por podermos estar juntos”.