Um austríaco, de 28 anos, com ligações terroristas foi detido em Nicósia, Chipre, quando tentava atravessar para a zona turca, segundo informação das autoridades locais, nesta quinta-feira.

O nome do suspeito, radicalizado, consta de uma lista da Interpol, mas a sua identidade não foi divulgada. Também não foi formalmente identificado.

O homem foi detido na quarta-feira, numa operação de rotina da polícia grega num ponto de controlo em Nicósia, na fronteira que separa as regiões grega e turca, um dos mais movimentados da cidade.

De acordo com fontes policiais citadas pela agência Reuters, o austríaco viajava sozinho e disse às autoridades que planeava apenas visitar um templo islâmico no sul da costa cipriota.

“O seu nome consta de uma lista de suspeitos de terrorismo”, assumiu o ministro da Justiça, Ionas Nicolaou, que confirmou ainda a radicalização do detido.