Os ministros da Administração Interna da União Europeia (UE) acordaram esta quinta-feira reforçar o controlo das fronteiras exteriores à UE e intensificar a partilha de informação através da Europol e Eurojust, nos próximos meses.

Estas são duas das medidas que constam do roteiro europeu na luta contra o terrorismo adotado pelos ministros do Interior da UE durante o Conselho de Justiça e Assuntos Internos, que decorreu em Bruxelas, onde esteve presente a ministra da Administração Interna portuguesa, Anabela Rodrigues.

Num comunicado enviado à Lusa, o Ministério da Administração Interna (MAI) refere que o roteiro visa «tomar medidas e alcançar resultados significativos nos próximos meses» na luta contra o terrorismo.

Medidas tomadas na sequência dos atentados de Paris, em Janeiro.