A polícia espanhola deteve um homem suspeito de atirar sobre dois rapazes de 11 anos que jogavam à bola numa praceta de um bairro em Madrid, porque «não o deixavam dormir», noticia o «20 Minutos» esta quinta-feira.

Os factos tiveram lugar na sexta-feira, dia 23:00, pelas 20:30, quando um dos meninos foi atingido por um projétil atirado de uma janela. Uma das crianças, ferida perto da aorta, está internada. O disparo foi quase fatal.

Um homem de 30 anos foi agora detido, depois da investigação policial ter apurado que meia hora antes dos disparos, o indivíduo ter reclamado com as crianças.

O antigo militar argumentou que as crianças «não o deixavam dormir».

A polícia encontrou na casa do suspeito quatro caçadeiras, oito armas brancas e 65 cartuchos.