Pedaços de queijo, datados de 1450-1615 antes de Cristo, foram encontrados em múmias na China, noticiou hoje o jornal USA Today, que afirma tratar-se dos mais antigos queijos do mundo.

Segundo a publicação norte-americana, os bocados de queijo chinês encontrados nos pescoços e peitos de múmias chinesas, que remontam ao ano de 1615 AC, «são, de longe, os mais antigos já descobertos».

Conforme escreve a Lusa, os investigadores explicaram que a conservação do queijo e das múmias se deve, em parte, às condições climatéricas extraordinárias, ar seco do deserto e solo salgado, existentes no Cemitério Small River, no noroeste da China.