A ministra dos Negócios Estrangeiros da Índia, Sushma Swaraj, deu esta quinta-feira uma aula de ioga nas instalações do Parlamento Europeu (PE) para celebrar o Dia Internacional desta modalidade.

Sushma Swaraj reuniu-se na quarta-feira com o presidente do Parlamento Europeu, Antonio Tajani, para discutirem a cooperação mútua em relação à segurança, comércio e desenvolvimento sustentável e destacou "a contribuição do ioga" para a paz.

A União Europeia é um grupo de países que vivem em paz e harmonia (...) Dois estados de espírito que ajudam no ioga", disse a ministra dos Negócios Estrangeiros da Índia, que enfatizou a importância do equilíbrio "físico e mental".

Depois de um discurso perante centenas de políticos e funcionários, que trocaram as suas roupas habituais de trabalho por uma roupa mais cómoda e desportiva, a governante começou uma aula de ioga numa das salas principais do PE, que por um dia trocou o som de fundo de discussões políticas por respirações profundas.

O evento foi organizado por um grupo de deputados que têm uma relação especial com a Índia e com a população indiana como a Grã-Bretanha e documentado pela equipa da ministra indiana.

Direitos humanos na Índia

As deputadas da Alternativa Galega Lídia Senra e a trabalhista britânica Julie Ward pediram ao presidente da eurocâmara que impedisse a entrada da ministra indiana no Parlamento Europeu, com o argumento de que a União Europeia já apelou à Índia em várias ocasiões que respeite os direitos humanos no país e a libertar vários ativistas detidos.

Segundo as deputadas, a presença da ministra "pode comprometer o bom nome da instituição", pode ler-se na carta.

Na capital indiana, também se celebrou hoje o Dia Internacional do ioga através de um evento em frente à "Porta da Índia" no centro de Nova Deli.

O ioga une as famílias do mundo, hoje existem muitos conflitos mundiais e terrorismo, e se queremos trazer de volta a harmonia para a nossa sociedade, este é o melhor caminho", afirmou o professor de yoga Sudhir Kumar Onkara.

Muitas empresas indianas também se juntaram à comemoração deste dia, como a IndiGo. A companhia aérea ofereceu aos 46 funcionários uma aula de ioga nos aeroportos nacionais, considerando que a atividade é "um pequeno passo para o bem-estar", disse a companhia num comunicado.