«Nós não chegámos nem perto de acabar com a crise. Fizemos muito em 90 dias, numa resposta muito bem sucedida, mas temos um caminho longo e difícil para percorrer»


O combate «vai continuar não apenas por algumas semanas, mas por mais alguns meses». «Acredito que conseguiremos em 2015 e conseguiremos trabalhando de perto não apenas com os governos dos países, mas com as comunidades»


aproximadamente 8 mil morteso ébola não é «um problema africano»



revista Time escolheu como personalidade do ano 2014