Um jovem de 18 anos e um homem de 29 morreram e outras quatro pessoas ficaram feridas na sequência de um tiroteio na cidade sueca de Malmö, quando estas festejavam a vitória da seleção nacional sobre a Coreia do Sul, por 1-0, no Mundial da Rússia.

As vítimas são todas do sexo masculino e foram todas hospitalizadas, com duas delas a não resistirem à gravidade dos ferimentos.

Um homem, que estará em fuga, é suspeito de ter efetuado vários disparos contra um grupo de pessoas.

A polícia afastou já, segundo a agência noticiosa Reuters, que o tiroteio possa ter motivações terroristas.

De acordo com a polícia sueca da cidade, a terceira mais populosa da Suécia, localizada no sul do país, não há ainda qualquer indício do que possa estar na origem do tiroteio.

 

A polícia de Malmö comunicou, entretanto, não haver razão para alarme público.

Selámos a área, estamos a fazer investigações e a entrevistar aqueles que estão feridos se puderem ou estiverem dispostos a falar", afirmou Stephan Soderholm, um porta-voz da polícia à agência noticiosa TT.