Uma equipa de caçadores de tesouros subaquáticos descobriu, em águas territoriais suecas, um submarino naufragado. A descoberta, anunciada esta segunda-feira, está a intrigar as autoridades suecas: a embarcação está intacta e as escotilhas estão fechadas e não houve qualquer pedido de socorro por parte de um submarino às autoridades marítimas.
 

"O submarino está completamente intacto, não tem danos visíveis no casco e as escotilhas estão fechadas", afirmou Stefan Hogeborn, um mergulhador da Ocean X Team, que reivindica a descoberta, em um comunicado.

 

"É por isso que temos medo de que a tripulação não tenha escapado quando o submarino afundou", acrescentou.

 
De acordo com os responsáveis pela descoberta, o mini-submarino mede cerca de 20 metros de comprimento e 3,5 metros de largura. "Não podemos dizer se o submarino é novo e quanto tempo ele repousa no fundo do mar, mas as letras cirílicas no casco indicam que é russo", indicou a Ocean X Team.
 
 
O site do tabloide Expressen publicou supostas imagens do submarino que teriam sido feitas por um robô debaixo d'água.
 
Em outubro de 2014, a Suécia conduziu durante uma semana uma grande operação para encontrar, no mar Báltico, um suposto submarino russo, após confirmar a incursão de um "pequeno submarino" nas suas águas. Não se sabe se será a mesma embarcação. As autoridades marítimas suecas garantem que não souberam de nenhum submarino com problemas, nem receberam qualquer pedido de ajuda.
 
As autoridades colocam a hipótese de ser um submarino russo em missão secreta.