Um sismo de magnitude 7.8 foi sentido, este sábado, no Japão. O abalo foi registado a 194 quilómetros das ilhas Ogasawara, a 874 quilómetros de Tóquio, mas segundo as principais agências de notícias não foi emitido qualquer alerta de tsunami. 

O sismo ocorreu às 20:24 locais (12:24 em Lisboa) e teve o seu epicentro no mar a 874 quilómetros de Tóquio. O Instituto Geológico dos Estados Unidos indicou que o sismo teve uma magnitude de 7,8 enquanto o Centro de Alertas de Tsunami no Pacífico referiu uma magnitude de 8,5, com o epicentro a uma grande profundidade.

Segundo informa a agência Reuters, o abalo foi sentido em Tóquio, onde os prédios tremeram. O terramoto, que teve epicentro perto das ilhas Ogasawara, também conhecidas como Bonin, ocorreu a uma profundidade de 590 quilómetros.
 
A Central Electrica de Tóquio já informou que não foram registadas anomalias na central nuclear de Fukushima.
 
Também as pistas do aeroporto de Narita estão a funcionar com normalidade. Já a ligação no “comboio bala” entre Tóquio e Osaka está atrasada, devido a uma falha elétrica.

No Twitter surgiu já uma primeira imagem, em Saitama, uma província a pouco mais de 20 quilómetros de Tóquio.