O ministro da Informação da Síria afirmou, no sábado, que o regime de Damasco «nunca utilizou armas químicas». Omrane al-Zhobi rejeitou as acusações da oposição e as suspeitas da comunidade internacional.

«Nunca utilizámos armas químicas na Síria, sob qualquer forma, seja liquida ou gás», afirmou al-Zhobi numa entrevista à estação de televisão al-Mayadine, baseada em Beirute, de que a televisão síria transmitiu extratos.

O ministro garantiu que «o exército sírio não tem necessidade de usar armas químicas, porque o seu moral é elevado e avança no terreno face ao terrorismo».