No entanto, a Frente Al-Nusra, afiliada da Al-Qaida na Síria, reivindicou no Twitter ter abatido o avião.

Os meios de comunicação estatais sírios noticiaram o acidente sem, contudo, referirem o número de mortos.

«Um avião de carga de médio porte caiu esta noite ao aterrar no aeroporto militar de Abu al-Duhur devido ao mau tempo e à forte neblina, matando a tripulação a bordo», disse a agência de notícias estatal Sana, sem avançar mais detalhes sobre o assunto.

De acordo com o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, as forças do regime estão envolvidas em violentos confrontos com combatentes da Al-Nusra numa tentativa de recuperar os corpos dos soldados mortos no acidente.

Numa das suas contas no Twitter, a Al-Nusra alega que abateu o avião, tendo colocado fotos em que, segundo afirma, se veem algumas vítimas e restos da aeronave.

No âmbito da guerra civil no país, não é raro grupos de guerrilheiros dispararem contra aviões e helicópteros do regime.

Em dezembro, elementos do grupo Estado Islâmico abateram um avião da Jordânia que integrava uma coligação internacional contra a organização jihadista, tendo capturado o piloto.