quinta-feira

 

“Isso é prejudicial, ilegal e será uma forma de apoiar o terrorismo (a espalhar-se), como aconteceu desde o início da intervenção da coligação há um ano, ou mais, atrás", declarou Bashar Al-Assad numa entrevista publicada hoje pelo jornal, referindo-se aos bombardeamentos autorizados na quarta-feira pelo parlamento britânico.

“Você não os pode derrotar somente com bombardeamentos aéreos. Você não os pode derrotar sem a cooperação com tropas em terra. Você não os pode derrotar se não tiver a aprovação do povo e do Governo”, disse ainda.

Recorde-se que os deputados britânicos aprovaram a semana passada uma intervenção militar britânica na Síria. O 'sim' teve 397 votos contra os 223 'não'.