O presidente sírio Bashar al Assad abriu uma conta na rede social Instagram, onde publica fotos dele e da mulher em ações de beneficência e visitando doentes no hospital. e acordo com a France Press há fotografias da primeira dama limpando as lágrimas de uma criança ou conversando com estudantes de modo informal.

Não há rede sem comentários e os que constam da publicação são todos abonatórios do chefe do regime sírio. Inclusive, pode ler-se «Nós amamos-te», mas, segundo a agência, os comentários não têm lugar.

O governo norte-americano criticou na quarta-feira a abertura de uma conta na rede social de fotografias Instagram pelo Presidente sírio, Bachar al-Assad, considerando a ação como «uma manobra de relações públicas desprezível».

A porta-voz do Departamento de Estado norte-americano, Marie Harf, considerou a abertura da conta como uma tentativa de propaganda.