Se nem só o sol, a praia e o mar são os únicos fatores na escolha de um destino, este estudo, que analisa a segurança de cada país, vai ajudá-lo na escolha do próximo destino. 

É Singapura que lidera a corrida dos países mais seguros para se visitar, mas são os países nórdicos - a Noruega, a Islândia e a Finlândia - que se mantém regularmente nestes dados graças à qualidade de vida pela sua abundância de espaços naturais e cidades ecológicas. No entanto, é o quinto lugar que está a surpreender o mundo. Isto porque é o Uzbequistão, que vive num governo autoritário, a arrecadar este lugar. Para os especialistas, isto pode ter influenciado as respostas.

Medo pode ser um problema. (...) Podemos ver o Uzbequistão no topo da lista (...) As pessoas podem não se sentir confortáveis em dar a sua verdadeira opinião, com medo que a confidencialidade não seja respeitada", disse Jon Clifton, gestor global da Gallup Clifton, empresa que realizou o estudo, à CNN. 

O estudo, que tem por base a opinião de cerca de 148 mil pessoas de 142 países, teve em conta a patrulha policial, o sentimento de segurança enquanto se anda sozinho na rua e ainda experiências de crime. 

Queremos saber se as pessoas se sentem ou não seguras na sociedade e isso só se podia fazer a partir das opiniões das pessoas. (...) Em algumas sociedades perigosas as pessoas não contam se foram roubadas, então os dados podem não corresponder verdadeiramente à situação de segurança na rua", acrescentou. 

Outro resultado que também gerado indignação é o da Indonésia. O que tem vivido alguns dos ataques terroristas mais letais da região nas últimas duas décadas encontra-se no quinto lugar da tabela, à frente de países como Dinamarca, Eslovénia, Luxemburgo, Áustria, China, Holanda e Egito.

  Países Pontuação
1. Singapura 97
2.  Noruega, Islândia e Finlândia 93
3.  Uzbequistão e Hong Kong 91
4. Suíça e Canadá 90
5. Indonésia 89
6. Dinamarca, Eslovénia, Luxemburgo, Áustria, China, Holanda e Egito 88