Andy Howland, um fã de luta greco-romana com sindrome de down, desafiou o campeão de luta da escola, em Massachusetts, Deven Schuko, para um combate. O desafio foi lançado em frente aos colegas e, por isso, o lutador teve de aceitar.

Deven Schuko tem uma carreia promissora na luta greco-romana e é visto como um lutador imbatível, tendo vencido mais de 100 combates. Ao contrário, Andy Howland, apesar de ser fã da modalidade e de a praticar, não domina as técnicas ao nível do colega. Por isso não teria muitas hipóteses contra o campeão escolar.

Mas Deven sacrificou o seu recorde de 100 combates vencidos para permitir que o colega brilhasse pela primeira vez no tapete.

Nunca tinha passado pela cabeça de Schuko perder um combate, mas desta vez o atleta relata que foi como vencer na mesma. Daven contou ao The Sun Chronicle que pediu ao treinador para realizar o combate e perder para que Andy tivesse o seu primeiro dia como campeão.

“Se eu tivesse de perder para alguém, eu gostava de ser derrotado pelo Andy. É na mesma uma vitória para registar no meu livro”, contou Devem, ao The Sun Chronicle.


Esta vitória significou muito para Andy. O jovem já luta há seis anos, sem nunca ter alcançado a vitória. Esta foi a sua estreia.