As autoridades norte-americanas procuram, desde sábado de manhã, uma menina de três anos que desapareceu depois de os pais a terem posto fora de casa como castigo por não ter bebido o leite todo. A polícia da cidade de Richardson, no estado do Texas, chegou a emitir um alerta Amber, durante o dia de sábado. O alerta foi levantado no domingo, tendo as autoridades alegado falta de pistas para esse levantamento, embora as buscas continuem.

O pai adotivo da menina, Wesley Mathews, de 37 anos, foi detido no sábado à noite, sob acusação de maus tratos e exposição ou abandono, mas foi libertado cerca de 24 horas depois, após pagamento de uma caução de 250 mil dólares.

O homem contou às autoridades que pôs a filha de castigo, na rua, num beco perto de casa, porque esta não ter bebido o leite. No local onde a menina foi deixada, tinham sido avistados coiotes e outros animais selvagens.

De acordo com o próprio pai de Sherin, a mãe estava em casa, na altura do castigo, mas não estava a par da decisão do pai.

As autoridades estão a passar a vizinhança a pente fino, com equipas cinotécnicas e helicópteros. Estão também a bater os bairros vizinhos, com buscas porta a porta.

 

Sherin tem uma irmã mais velha, de quatro anos, que já foi levada de casa dos pais pelos serviços de proteção de menores. A família não estava referenciada e não era acompanhada pelos serviços de proteção de menores.

Sherin foi adotada na Índia há cerca de dois anos. De acordo com as autoridades, a criança tem problemas de desenvolvimento e capacidades de comunicação limitadas.