David Beckham juntou-se à luta contra o ébola. Ciente da sua popularidade, o embaixador da Unicef fez dois vídeos de sensibilização das populações para os perigos da doença mortal.

Esta campanha vai ser difundida na Serra Leoa, um dos países da África Ocidental mais afetados pelo vírus da febre hemorrágica.

No filme o ex-futebolista demonstra como as condições de higiene são vitais para controlar a febre hemorrágica na Serra Leoa, Libéria e Guiné Conacri.

Esta chamada de atenção surge numa altura em que a epidemia já matou mais de quatro mil pessoas e foram detetados casos de contágio na Europa e nos EUA.