Pelo menos uma pessoa morreu e outras três ficaram feridas num tiroteio esta quinta-feira numa universidade de Seattle, no noroeste dos Estados Unidos, informou a porta-voz do hospital local.

A mesma porta-voz, que falava à estação de televisão local Kiro TV, explicou que os feridos, incluindo um em estado grave, foram tratados no centro médico de Harborview após terem sido atingidos a tiro na Seattle Pacific University.

As autoridades já detiveram um suspeito do tiroteio. Terá sido dominado por um estudante quando fez uma pausa nos disparos para recarregar a arma.

O alegado autor não é aluno da instituição, revelou a polícia local. A polícia descreveu em conferência de imprensa que o autor dos disparos é um «homem branco de aproximadamente 26 anos que não é estudante do centro» e que este entrou no campus universitário armado e fez vários disparos.

Quando parou de disparar para carregar a arma, um estudante monitor daquele edifício recorreu a gás pimenta para, com a ajuda de outros alunos, imobilizar o atacante até à chegada da polícia.