As autoridades malaias bloquearam o acesso ao portal Sarawak Report, após publicação de artigos sobre alegados desvios de fundos públicos para contas bancárias do primeiro-ministro, Najib Razak.

A medida foi justificada por alegada ameaça à “estabilidade nacional”, informaram hoje fontes governamentais.

A comissão malaia para as Comunicações e Multimédia anunciou a medida “temporária” em comunicado, no qual assinala que o conteúdo publicado na Internet “está sob investigação” por se tratar de “informação não verificada”.